O Meteorito que Ansiava pela Morte: um Conto de Fadas Brasileiro

FOTO: METEORITO DO BENDEGÓ NO SEU LEITO. REPRODUÇÃO

2018-09-24

(Um dos poucos objetos a sobreviver ao recente incêndio no Museu Nacional foi o famoso Meteorito do Bendegó).
Era uma vez um meteorito gigante que voou pelos céus acima do Brasil e caiu em uma floresta tropical. Passou despercebido por milhares de anos, mas quando foi finalmente descoberto, foi dado um quarto num suntuoso palácio numa grande cidade ao longo da costa chamada Rio de Janeiro. Aquele meteorito era eu! E aprendi que o meu nome era Bendegó do homem que polia a minha superfície todas as semanas, porque é assim que ele me chamava quando me cumprimentava. Nas últimas décadas, centenas de visitantes vinham me ver todos os dias na minha sala no palácio. Eu gostava da maneira que eles abriam a boca em descrença no momento em que me viam. Percebia qual deles queria ouvir a minha história pela maneira que os seus olhos me estudavam. Falava com eles sobre como eu viajei pelo sistema solar por centenas de milhares de anos. E como fiquei surpresa de repente me encontrar em terra firme. “Um minuto estamos no espaço,… CONTINUAR A LER AQUI

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *