A ARTE COMO EXPRESSÃO DO SER HUMANO

Ao longo deste ensaio será abordada uma faixa do disco “Entre nós e as palavras”, onde Herberto Helder, acompanhado por uma composição musical de Rodrigo Leão, declama o seu poema “Minha cabeça estremece”. Discutir-se-á, assim, o porquê de, à luz do objetivismo estético, a obra em questão ser considerada uma manifestação artística. Primeiramente, impõe-se apresentar … LER MAIS

“Como Água para Chocolate”, de Laura Esquivel

Como Água para Chocolate, de Laura Esquível, é um romance delicioso e viciante que envolve o leitor numa história recheada de sabores, mas também de “dissabores”. Assim, o amor épico e corajoso entre Pedro e Tita, os protagonistas, é-nos contado de um modo bastante familiar, proporcionando-nos diversos tipos de sensações, ao mesmo tempo que são … LER MAIS

Manuel Alegre Prémio Camões 2017

Manuel Alegre Prémio Camões 2017 Letra para um hino É possível falar sem um nó na garganta é possível amar sem que venham proibir é possível correr sem que seja fugir. Se tens vontade de cantar não tenhas medo: canta. É possível andar sem olhar para o chão é possível viver sem que seja de … LER MAIS

“Chocolate”, de Joanne Harris

Chocolate, publicado em 1999, revelou-se um sucesso, tendo recebido um dos mais prestigiados prémios da literatura britânica (Whitbread Award) e sendo adaptado ao cinema. Joanne Harris, a autora, é uma escritora britânica, com ascendência francesa, o que explica a sua ligação a França, visível na obra em análise. A diegese do livro ocorre na aldeia … LER MAIS

“As Histórias que não se contam”, de Susana Piedade

As Histórias que não se contam, uma estreia de Susana Piedade, é um romance que descreve a vida de uma forma genuína, acompanhada por momentos de partilha, solidão, reencontro e união. O enredo leva-nos a conhecer e a ouvir atentamente as histórias envolventes de três mulheres do Porto, cujas vidas ficaram marcadas perpetuamente. Ana, talvez … LER MAIS

“Admirável Mundo Novo”, de Aldous Huxley

O livro “Admirável mundo novo” de Aldous Huxley trata-se de um romance distópico que retrata um hipotético futuro longínquo onde os seres humanos são pré condicionados bio e psicologicamente, com vista a obter as tão esperadas harmonia e organização sociais. Através de uma sociedade dividida em “castas”, cada ser humano é automaticamente obrigado, desde o … LER MAIS